Estatal do pré-sal busca Petrobras para comercializar petróleo da União

Estatal do pré-sal busca Petrobras para comercializar petróleo da União


Presidente da Petrobras, José Eduardo Gerk afirma que as duas empresas podem fechar um acordo até o fim do ano

A estatal Pré-Sal Petróleo (PPSA) está em negociações avançadas para contratar a Petrobras como agente comercializador da produção do pré-sal que pertence à União e tem a expectativa de fechar um acordo até o fim deste ano, disse o presidente da companhia, José Eduardo Gerk.

A empresa, que representa a União nos contratos de partilha de produção, já havia tentado no passado fechar um contrato com a petroleira estatal, mas as conversas não prosperaram.

O petróleo da União é aquele produzido por empresas que ofertaram o produto em leilões do pré-sal, inclusive a própria Petrobras — em tais certames, ganha a disputa quem faz a maior oferta de óleo ao Estado.

"Desde que eu estou aqui, o andamento das negociações... com a Petrobras tem avançado, e a gente espera até que consiga chegar a um bom termo até o fim do ano", afirmou ele, em uma entrevista na segunda-feira em seu escritório, na sede da companhia, no Rio de Janeiro.

Gerk, que assumiu o posto em abril deste ano, evitou fazer comentários sobre o que deu errado na tentativa anterior de colocar a Petrobras como o agente comercializador do petróleo da União.

No ano passado, a PPSA comercializou volumes de petróleo por meio de venda spot e em leilão, fechando contratos que atualmente são suficientes para os próximos dois ou três anos. Mas, daqui em diante, a contratação direta da petroleira estatal para fazer a comercialização é vista como a melhor opção, embora novos leilões não estejam descartados.

Uma resposta positiva da petroleira atualmente, segundo Gerk, poderá vir diante das perspectivas de volumes significativos de petróleo a que a União terá direito no futuro.

Leia mais em: https://epocanegocios.globo.com/Brasil/noticia/2019/10/estatal-do-pre-sal-busca-petrobras-para-comercializar-petroleo-da-uniao.html

 Receba Novidades